Bulbophyllum falcatum

Uma espécie de pequenas e inusitadas flores


Bulb. falcatum
Foto e cultivo: André Merez


 Particularmente interessante, essa espécie de pequenas e encantadoras flores, figura certamente um dos mais inusitados modos de que a natureza de dispôs para atrair um tipo específico de polinizador. Sua flores em tamanho diminuto, compõem uma fileira ao longo de uma haste longa.



Bulb. falcatum
Foto e cultivo: André Merez


Características de cultivo


Por tratar-se de um gênero com muitas espécies e com uma distribuição geográfica muito variada, é quase impossível determinar necessidades de cultivo generalizadas. O que se pode considerar aqui é que a maioria das espécies é epífita e vegeta nas proximidades dos trópicos e aprecia boa umidade ambiente. Observe-se também que esse gênero divide-se entre plantas com um espaço de rizoma entre os pseudobulbos e outras com o rizoma curto e os pseudobulbos mais próximos. As do primeiro tipo devem se cultivadas em cachepot de madeira rasos pendurados ou em placas e devem ser mantidas constantemente úmidas, principalmente em sua fase de crescimento. Já as do segundo tipo preferem ser cultivadas em vasos rasos, porém com substrato que apresente boa drenagem, mas que possa reter certa umidade.


Bulb. falcatum
Foto e cultivo: André Merez





6 comentários:

  1. Respostas
    1. Muito obrigado, Elisabete Delfine! Sempre muito gentil incentivando nossas postagens!!

      Excluir
  2. Belas fotos, o meu esse ano deu cerca de 50 hastes, mas as fotos...., nem se compara, parabens.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Gallerani! Realmente essa planta entouceirada fica um espetáculo. Já tive oportunidade de touceiras dessa planta em exposições, realmente ficam impressionantes! Obrigado pela visita e fico feliz que tenha gostado das fotos!!

      Excluir
  3. Acho lindo esse Bulbophyllum, parabéns!

    ResponderExcluir

Deixe seu cometário ou dúvida sobre o cultivo das orquidáceas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...